10 novembro 2010

A mulher ruiva.


A mulher ruiva atravessa a rua

Senta-se à mesa do bar

Fuma um cigarro

Pede uma coca-cola

Pensa na vida

Repensa

Pensa

Repensa

Os carros passam

A cidade escurece

E a mulher ruiva continua ali

Perdida... Sozinha... Sofrendo

Pede outra coca-cola

E vai embora

Nunca mais vi a mulher ruiva

Nunca descobri quem era ela...

Ana C.

9 comentários:

Henrique disse...

cubismo aee \o/

Daniel C. disse...

quanta coca cola XD

Érica disse...

Genteee, por que coca-cola e não cerveja?? Hmm suspeito.. huauha

Stefαny *# disse...

Certamente ela estava pensando se iria se matar.
Saiu e foi pular da ponte.

erick.barroso disse...

cubismo....!!!! xD [2]

Zσκy アルトゥル. disse...

Talvez essa mulher precisasse da liberdade anônima. Mais que isso, talvez o anonimato fadado à liberdade seja sua maior vitória.

Hєℓøíรα* disse...

HAHA* A ruiva... Haja coca-cola²
mas pq coca? num podia ser guarana? ou cerveja? ou ipioca? uahsuhsu''
Mtoo bom.. Besos ana*

jacques disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Louis Beau Pre disse...

Fatos corriqueiros....Adoro o jeito que você escreve.
bjos!