21 janeiro 2012

Quanto tempo dura o amor?

Depois de assistir ''Blue Valentine'' eu me fiz essa pergunta. Nada melhor do que começar filosofar às 06h 13. Eu não tenho a resposta para essa pergunta mas posso dizer algumas coisas que essa vida bandida já me ensinou. Acredito que o ser humano seja capaz de ter vários amores ao longo da sua existência. É claro, sempre irá existir aquela pessoa que mesmo depois de ter saído da sua vida você irá considera-lá importante ou em alguns casos até mesmo ainda amá-la.
Os relacionamentos funcionam igual o ciclo da vida: possuem começo, meio e fim. Sim, o seu namorado(a) atual pode não ser a pessoa que vai ficar com você o resto da vida. Sigo a filosofia de que existe o amor certo, a pessoa certa, o relacionamento ideal para determinado momento da sua vida. Existem as exceções- é claro- são aquelas pessoas que passam a vida inteira com um único amor e isso é assunto para outro post.
Os relacionamentos são assim: no começo tudo são flores... A ida ao cinema, ao restaurante, risadas, faces coradas de vergonha, conhecer a família dele(a), a perfeita sintonia que você consegue sentir estando perto da pessoa, aquela sensação de que dessa vez vai dar certo e vocês irão ficar unidos até a morte( ou depois da morte dependendo da sua religião)... Ai as brigas começam a aparecer, atritos as vezes necessários para a manutenção da relação. Depois de um tempo parece que a pessoa não combina mais com você, fica aquela solidão a dois e o sentimento não é o mesmo. Ela te liga e você já não atende com a mesma excitação de antes, o sexo não é a mesma coisa e até mesmo o beijo muda.... O que fazer nesses momentos? Eu não sei, cada um possui uma reação mas pode ser que o amor tenha acabado e a pessoa não se encaixa mais na sua vida.
No começo é difícil aceitar isso porque você pensou que fosse ficar pra sempre com aquele amor, pensou no casamento, planejou ter filhos, ter uma casa de praia ou numa montanha de um país nórdico qualquer, pensou que aquela pessoa iria somar na sua vida até o fim, mas, essa é a sua vida e não um filme. Abandone o barco, procure o bar mais próximo e fique de porre, chame alguns amigos, fale mal da vadia(vadio), faça um sexo casual com alguém... Irá chegar uma hora que outra pessoa vai ocupar o lugar da anterior e você sentirá amor por ela também, de uma forma diferente é claro.
Você terá vários amores na sua vida mas isso não significa que você não seja capaz de amar. Ter vários amores significa que você é uma metamorfose ambulante como diria Raul Seixas e isso é bom, excelente. O amor tem prazo de validade e quando você aceitar isso a sua vida irá melhorar, mas não use isso como desculpa para não amar. Pelo contrário, se apaixone, ame, ria, sofra, se apegue e desapegue... No final você terá boas histórias para contar.

Ana C.


14 janeiro 2012

Estou de saco cheio...


Esse é mais um post para a sessão '' Crise dos 20''. Hoje eu resolvi fazer uma lista com as coisas que eu já estou de saco cheio. Ficou assim:

Eu estou de saco cheio de:

1- Documentos de faculdade
2- Acordar cedo para resolver problemas
3- Aumentos de 25%
4- Qual meme você é? Acredite, essa porra não faz o menor sentido.
5- Compartilhamentos no Facebook
6-Do calor que está fazendo no Rio de Janeiro
7- Indiretas no Facebook
8-Pessoas que banalizam o sentido da palavra amizade e todo mundo já vira amigo delas em menos de uma semana. Acho que amizade é muito maior do que isso.
9- Religiosos no Facebook compartilhando coisas sobre Jesus. Se você tem Jesus no coração, então faça alguma coisa de útil para a humanidade. Sei lá, vai doar cesta básica.
10- Pessoas que não sabem valorizar as coisas que possuem e só dão valor para aquilo que não tem.
11- Pessoas que não abraçam.
12- Pessoas que só sabem apontar o erros dos outros e não percebem que fazem as mesmas coisas.
13- Pessoas que ficam criticando a personalidade de outra.
14- Metrô cheio.
15- Da minha vizinha que só escuta música de baixa qualidade. Calma ai, acho que aquilo não pode ser considerado música.
16- Moralismo em excesso.
17- Preconceito em excesso.
18- Solicitação de jogos no Facebook.
19- Nerds que querem bancar os fodões na internet porque na vida real são fracassados.
20- Pessoas que param de falar com você do nada e escrevem '' DENOVO'' e '' CAGANU''

Foda-se tudo.
Ana C.

06 janeiro 2012

I'm a lonely boy

Em uma tarde quente do mês de Janeiro resolvi relembrar o meu passado. O ócio talvez tenha provocado essa vontade repentina em mim, vai saber. De repente, estava presa em um turbilhão de lembranças que eu não pude conter. Parecia um filme da minha vida.
Descobri que algumas pessoas que passaram por mim nesses 20 anos de estrada parecem que são personagens. São muitas pessoas para lembrar e algumas é até bom não lembrar mesmo.
Não sou uma pessoa religiosa mas acredito que algumas pessoas possuem validade. As vezes, alguém só é válido em determinada época da nossa vida, depois parece que a pessoa não se encaixa mais e os atritos começam a aparecer e são iniciados por coisas banais. Você pode até tentar resolver na primeira vez mas sempre existirão outros atritos, é como uma bola de neve. Olhar para a pessoa acaba virando um sacrifício, você começa a omitir alguns fatos da sua vida para ela, se afasta, passa a falar pouco até que chega o momento que você não fala mais com a pessoa e acaba esquecendo da existência dela. Isso é uma prova de que a validade dela na sua vida acabou, o melhor é terminar com boas lembranças do que ficar com aquele ''gosto azedo no paladar'', não aguentar escutar o nome da pessoa e guarda-la como uma lembrança ruim.
Nesses momentos que você senta no sofá e começa a relembrar do passado, é bom ressuscitar apenas boas lembranças. É arriscado relembrar de momentos difíceis porque eles podem despertar demônios adormecidos dentro de você.

Acho que falei demais. Até a próxima.

Ana C

02 janeiro 2012

Ah.... 2012.

O início do ano é sempre assim: criamos expectativas, planejamos metas e fazemos promessas. Alguns são adeptos de pular sete ondas no mar, outros apenas agradecem e uma minoria ignora a virada do ano.
Confesso que eu ficava mais animada com isso tudo quando eu era mais nova, agora isso não me afeta tanto. É claro que eu espero coisas boas de 2012 mas esse ano eu decidi deixar a vida me levar.
Você pode dizer: Ana, como assim você não espera nada de 2012? É fácil, sabe aquela dieta que você prometeu começar em Janeiro? Então, você não vai fazer isso. Você vai frequentar 1/2 semanas de academia e vai dizer que isso não é para você, que você não está tão gordo e por ai vai. Desculpa é fácil de arrumar. Inicie a dieta ao invés de prometer ou escrever isso no seu quadro de objetivos para 2012. Eu usei o exemplo da dieta porque é o mais comum. A maioria faz isso.
Se eu fosse criar uma meta para 2012 ela seria: mais diversão e amigos. Apenas isso.
Esse foi o primeiro post do ano. É isso ai. Bom 2012 para vocês.

Ana C.