24 outubro 2014

Bloco do eu ( nós) sozinho



Sentir saudades é relembrar dos seus abraços, amasso, afeto e amor
Os nossos papos, corpos e laços 
Sentir saudades é perceber que você se foi no vento
Ah, pretinha.... 
A saudade é uma velha companheira
Me guia pelas noites, tragos e corpos
Quando saio no bloco do eu sozinho
Para reencontrar o nosso samba
Perdido pela avenida nesse carnaval 

Ana C.

Para ler escutando:



Nenhum comentário: